O que a nutrição funcional pode fazer por seu emagrecimento?

Eliminar toxinas em nível hepático e intestinal: Fígado e intestino são parceiros na limpeza orgânica, seja de toxinas provenientes da alimentação, seja de metabólitos provenientes do próprio metabolismo. O fígado além de eliminar toxinas é o responsável pela administração da energia distribuída por todo o corpo. Para tornar eficaz a atividade física é preciso que esta produção energética esteja equilibrada, o que depende do fígado. Quando este elimina as toxinas ele as envia para o intestino.

Ao chegar ao intestino as toxinas precisam de um caminho livre, o que pode não acontecer se houver uma grande quantidade de fezes acumuladas e restos alimentares mal digeridos. Caso isto esteja acontecendo, as toxinas voltam a circular e voltam para o fígado que deverá fazer o trabalho novamente, além das toxinas provenientes desta composição intestinal.

Aliviar o sistema imunológico : Quando nosso corpo utiliza muito o sistema imunológico podem ocorrer várias situações como deficiência de vitaminas e minerais, gasto energético alterado, redução na produção de energia. Há desencadeamento da cascata inflamatória que altera a sinalização dos neuropeptídeos e ajuda a formar mais gordura, isso interfere no apetite e nos hormônios de saciedade.

Ao eliminar da nossa alimentação os alimentos alergênicos e reduzir a circulação de substâncias químicas (aditivos, corantes, pesticidas, conservantes), reduzimos a ação das células do sistema imunológico.

Melhorar a produção energética : quando fornecemos ao corpo as gorduras saudáveis mantemos nossas células mais disponíveis para receber nutrientes. Quando fornecemos nutrientes adequados às nossas células elas passam a produzir energia de forma adequada, pois quando a nutrição está deficiente, as funções metabólicas ficam prejudicadas, reduzindo nosso metabolismo basal. Estando mais bem nutridos ao praticar exercícios físicos, aumentamos nosso gasto energético.

Auxiliar na modulação hormonal reduzindo os níveis de estrogênio circulantes, otimizamos a ação dos demais hormônios. Diversos compostos químicos são estrogênio like (simulam a ação do hormônio ocupando os receptores), o que pode reduzir a ação dos demais hormônios como testosterona e progesterona. Deficiências hormonais interferem na capacidade do organismo de queimar gordura, saciedade, formar massa muscular, disposição e bem estar. Através da detoxificação, mudanças de hábitos alimentares, redução da cascata inflamatória, liberam-se os receptores hormonais. Com isso, as respostas metabólicas são mais efetivas quando praticamos atividade física e o emagrecimento acontece.

Texto escrito pela nutricionista funcional Maribel Melos

One thought

Deixe uma resposta