O que fazer quando a agenda do seu consultório está vazia?

Essa é uma situação que ninguém espera quando sai da universidade, mas, infelizmente, é uma realidade para grande parte dos nutricionistas: a agenda cheia de horários vagos. Mas calma, não é preciso se desesperar ou desanimar com a profissão, muito pelo contrário. A situação é comum em alguma época da vida profissional para todo mundo, e tudo o que você tem a fazer é lançar mão de alguns truques de marketing para atrair clientes e recuperar aqueles que, por algum motivo, não retornaram ao consultório. E não é preciso ser nenhum especialista em publicidade para isso. Aqui você vai ver como pode ser fácil ficar com sua agenda cheia novamente.

Bom atendimento deve ser prioridade

Que a disputa do mercado é acirrada todo mundo sabe, o que nem todo mundo sabe é como passar por cima dessa concorrência. As dicas podem parecer óbvias, mas a verdade é que, no dia a dia da profissão, muitos nutricionistas acabam deixando uma coisa fundamental de lado: o bom atendimento. E isso não significa apenas ser competente, mas dar a atenção necessária a cada paciente. Saiba ouvi-lo e compreender suas angústias, tenha paciência. A área da nutrição mexe com egos, hábitos arraigados e muita ansiedade, por isso, além de médico você deve ser também um grande parceiro nessa jornada complicada que é a adoção de um novo plano alimentar. Preste atenção também nos pequenos detalhes, pois até o ato de levá-lo até a porta pode fazer diferença.

Procure parcerias

Faça amizade com médicos de outras especialidades, assim eles encaminharão diretamente para você um paciente que precise de nutricionista. Vale a pena também ficar amigo das secretárias, porque elas costumam dar indicações enquanto conversam na sala de espera. Deixe cartões e materiais impressos em academias, faça atendimentos mais em conta em associações de moradores e clubes; além dos associados, você pode faturar com vários outros clientes para o seu consultório particular simplesmente pelo boca a boca de seus pacientes comunitários.

Tenha uma agenda organizada

Isso é fundamental para você manter o controle de quem você atende e de quem não volta – e buscar o porquê. Quanto mais controle você tiver, maior será a possibilidade de mudar sua estratégia ou adaptar formas de atendimento. Para os mais fiéis, procure manter um relacionamento, mesmo que o programa de alimentação já tenha acabado: envie mensagens de aniversário ou datas especiais, newsletters com assuntos que possam interessar ao cliente e informações relevantes sobre o tipo de dieta ou problema para o qual ele buscou solução. Para recuperar clientes, não se furte a pedir para a recepcionista telefonar perguntando o motivo do desaparecimento, procurando marcar uma nova consulta – sem ser insistente demais ou chato, claro. Se ele informar que já está com outro profissional, esqueça, caso contrário faça no máximo três tentativas e deixe-o à vontade.

Saiba dar soluções

Quando o nutricionista apresenta soluções, o cliente sente-se mais seguro, portanto evite simplesmente passar o plano alimentar ou os exames sem explicar por que está fazendo isso. Procure falar em linguagem que ele possa compreender, sem termos técnicos nem sinais de arrogância. Mostre que é possível resolver o problema, desde que ele se engaje no procedimento. E que você está ali para ajudá-lo – e ajude-o. A pior coisa que pode acontecer é um cliente se sentir sozinho ou diminuído frente ao nutricionista, o que é comum em pacientes com problemas de baixa autoestima.

Faça do marketing seu aliado

Use as redes sociais para estreitar laços com pacientes antigos e atrair clientes novos. Faça pequenos posts com assuntos do momento, dicas de alimentação saudável, responda a algumas dúvidas, mas deixe claro que o atendimento individualizado no consultório é fundamental para o sucesso do plano alimentar. Incentive seus pacientes a postarem fotos de antes e depois, marque-os no Instagram ou no Facebook (sempre com autorização expressa deles, claro), e siga sempre o código de ética da categoria.

Assim você estará criando um relacionamento de confiança para recuperar clientes e atrair novos, contribuindo para o aumento da taxa de retorno e para uma vida mais saudável dos seus pacientes. Em breve você perceberá a diferença na sua agenda!

Quer saber mais sobre atração e fidelização de clientes? Continue lendo nossas dicas e mande sugestões!

Deixe uma resposta